Todo amor que eu tinha por ela
Foi jogado pelos ares
E sequer chorou

Fez um coração agora sofrido
Sem forças para bater
E chora de paixão

Canta pra ela a saudade
A dor que invade meus olhos serenos
Quando não vejo teu corpo
Dá vontade de ter, de sentir o teu gosto

Eu te livrei dos perigos de lá
Fiz mil poesias pra te apaixonar
Fui eu que cantei o teu mundo em versos
Pra que ninguém fique sem amar

Vidéo Incorrecte?