Tenho na ideia uma aldeia e um bosque,
De giestas a abrir em flor;
E as desfolhadas p'lo S. João,
Com mil fogueiras de amor.

Tenho na ideia um campo de trigo,
Onde te amei de fugida;
E os caminhos que eu percorri,
Nos secos trigais da vida.

(Refrão)
Verdes, verdes trigais em flor,
Na lembrança que se apagou;
Desse terno e primeiro amor,
Nesse tempo que não voltou.

Verdes, verdes trigais em flor,
Na lembrança que eu não esqueci;
Verdes, verdes trigais em flor,
Tudo o que em mim ficou, de ti.


Lembras-me igrejas de campanário,
E o som das Avé-Marias;
Lembras-me a feira de S. Martinho,
E o pôr-do-sol na lezíria.

Lembras-me o campo de trigo, tão verde,
Onde eu te amei de fugida;
E os caminhos que eu percorri,
Nos secos trigais da vida.

Vidéo Incorrecte?