Hoje faz um ano
Que me dispensou
Foi um pesadelo
Que o tempo apagou

Eu acreditava
Sempre em você
me precipitava
Sem saber por quê

Se você desabava
Logo eu te erguia
Por você eu chorava
De mim você ria

Agora eu te pergunto: Quem rasteja aos pés de quem?
Agora te digo: Me rejeitou, te rejeito também!

Que bonitinho
Ver você sofrer
Só dessa forma
Vai aprender
Que fofinho
Mas não me abala
Me dispensou
E tomou na cara!

chora baby!

Que bonitinho
Ver você sofrer
Só dessa forma
Vai aprender
Que fofinho
Mas não me abala
Me dispensou
E tomou na cara!

Cala a boca, poupe-me do seu discurso
A vida é um jogo e não um bobo concurso

Que bonitinho
Ver você sofrer
Só dessa forma
Vai aprender
Que fofinho
Mas não me abala
Me dispensou
E tomou na cara!

chora baby!

Vidéo Incorrecte?